Consumo de suplementos alimentares à base proteínas por praticantes de atividade física em uma academia do bairro Junco da cidade de Picos-PI

Paulo Roberto Morais Barros Filho, Alciene Pacheco da Silva, Francilany Antonia Rodrigues Martins Neiva, Nara Vanessa dos Anjos Barros, Regina Márcia Soares Cavalcante

Resumo


A relação entre saúde e atividade física é essencial para uma melhoria da qualidade de vida. Uma alimentação balanceada de forma adequada e saudável deve fazer parte do dia a dia, tanto de praticantes de exercícios físicos como dos atletas, é comum na atualidade os iniciantes na musculação adquirirem algum tipo de suplemento alimentar, frequentemente sem orientação de um profissional de nutrição. Diante do exposto se faz de grande relevância estudos que tenham como objetivo uma compreensão mais detalhada do uso de suplementos proteicos por praticantes de atividade física, face aos impactos que o uso indiscriminado pode causar à saúde. Estudo descritivo, transversal, com abordagem quanti-qualitativa, realizado com 100 indivíduos de ambos os sexos em academia do município de Picos-PI.  Verificou-se que 61% fazem uso de suplementos alimentares (SAs), sendo maioria do sexo masculino (74,07%), onde também foi possível detectar a existência de uso indiscriminado de suplementos alimentares à base de proteínas (75,4%). Pode-se concluir que os praticantes de atividade física avaliados faziam uso indiscriminado de suplementos a base de proteína, sem a orientação de profissionais capacitados para esta prescrição, sinalizando para um grande perigo a saúde que estes estão se expondo, tendo em vista os malefícios que os mesmos podem causar.

 

ABSTRACT 

Consumption of food supplements based on proteins by praticants of physical activity in an academy of the junco city of Picos-PI

The relationship between health and physical activity is essential for improving the quality of life. Proper and healthy balanced nutrition should be part of the daily routine of both physical and athletic practitioners, it is common for today's beginners in bodybuilding to acquire some kind of dietary supplement, often without the guidance of a nutrition professional. In view of the above, studies aiming at a more detailed understanding of the use of protein supplements by physical activity practitioners are made of great relevance, given the impacts that the indiscriminate use can cause to health. A descriptive, cross-sectional, quantitative-qualitative study of 100 individuals of both sexes in the city of Picos-PI. It was verified that 61% use food supplements (SAs), being the majority male (74.07%), where it was also possible to detect the existence of indiscriminate use of protein-based dietary supplements (75.4%). It can be concluded that the practitioners of physical activity evaluated made indiscriminate use of protein-based supplements, without the guidance of professionals trained for this prescription, signaling to a great danger the health that they are exposing themselves, considering the harms that they can cause.


Palavras-chave


Atividade física; Suplementação alimentar; Suplementos proteicos

Texto completo:

PDF

Referências


-Albuquerque, M. M. Avaliação do consumo de suplementos alimentares nas academias de Guará-DF. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 6. Num. 32. 2012. p.112-117. Disponível em:

-American Dietetic Association and Dietitians of Canada: dietary fatty acids, Journal of the American Dietetic Associaton. 2012. Disponível em: Acesso em: 04/11/2017.

-Bernardes, A.L.; Lucia, C.M.D.; Faria, E. R. Consumo alimentar, composição corporal e uso de suplementos nutricionais por praticantes de musculação. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 10. Num. 57. 2016. p.306-318. Disponível em:

-Bertoletti, A.C.; Santos, A.; Benetti, F. Consumo de suplementos alimentares por praticantes de musculação e sua relação com o acompanhamento nutricional individualizado. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 10. Num. 58. 2016. p. 371-380. Disponível em:

-Bezerra, C.C.; Macedo, E.M.C. Consumo de suplementos a base de proteína e o conhecimento sobre alimentos proteicos por praticantes de musculação. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 7. Num. 40. 2013. p.224-232. Disponível em:

-CFN. Resolução CFN N. 390/2006. Regulamenta a prescrição dietética pelo nutricionista e dá outras providencias. Num. 390 de 27 de outubro de 2006. Brasília. 2006.

-Chiaverini, L.C.T.; Oliveira, E.P. Avaliação do consumo de suplementos alimentares por praticantes de atividade física em academias de Botucatu-SP. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 7. Num. 38. 2013. p.108-117. Disponível em:

-Espínola, H. H. F.; Costa, M. A. R. A.; Navarro, F. Consumo de suplementos por usuários de academias de ginástica da Cidade de João Pessoa-PB. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 1. Num. 7. 2008. p.1-10. Disponível em:

-Fernandes, W.N.; Machado, J.S. Uso de suplementos alimentares por frequentadores de uma academia do município de Passo Fundo-RS. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 10. Num. 55. 2016. p.59-67. Disponível em:

-Fernandes, N.P.; e colaboradores. A prática do exercício físico para melhoria da qualidade de vida e controle da hipertensão arterial na terceira idade. Revista Ciência Saúde Nova Esperança João Pessoa. Vol. 11. Num. 3. 2013. p 6-60.

-Gomes, G.S.; e colaboradores. Caracterização do consumo de suplementos nutricionais em praticantes de atividade física em academias. Medicina (Ribeirao Preto. Online). Ribeirão Preto. Vol. 41. Num. 3. 2008. p. 327-331.

-Hirschbruch, M.D.; Fisberg, M.; Mochizuki, L. Consumo de suplementos por jovens frequentadores de academias de ginástica em São Paulo. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 14. Num. 6. 2008. p. 539-543.

-Maximiano, C.M.B.F.; Santos, L.C. Consumo de suplementos por praticantes de atividade física em academias de ginástica da cidade de Sete Lagoas-MG. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 11. Num. 61. 2017. p.93-101. Disponível em:

-Moreira, F.P.; Rodrigues, K.L. Conhecimento nutricional e suplementação alimentar por praticantes de exercícios físicos. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 20. Num. 5. 2014. p.370-373.

-Oliveira, A.B.; Filho, J.N.M.; Melo, M.C.A. Consumo de suplementos termogênicos e seus efeitos adversos por clientes de uma loja de nutrição esportiva de Fortaleza-CE. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 11. Num. 62. 2107. p.160-167. Disponível em:

-Pedrosa, O.; Gasen, F.; Silva, A.; Pinho, S. Utilização de suplementos nutricionais por praticantes de musculação em academias da cidade de Porto Velho Rondonia. Anais da Semana Educa. América do Norte. Vol. 1. 2011.

-Pellegrini, A.R.; Corrêa, F.S.N.; Barbosa, M.R. Consumo de suplementos nutricionais por praticantes de musculação da cidade de São Carlos-SP. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 11. Num. 61. 2017. p.59-73. Disponível em:

-Queiroz, S. F.; Silva, H. C.; Bezerra, H. P. O.; Paiva e Freitas, L. K.; Costa H. A.; Oliveira J. A. M.; Andrade, M. K. L. Utilização de suplemento alimentar por usuários de academias de ginastica do município de Ferros-RN. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 3. Num. 17. 2009. p. 468-477. Disponível em:

-Reis, E.L.; Camargos, G.L.; Oliveira, R.A.R.; Domingues, S.F. Utilização de recursos ergogênicos e suplementos alimentares por praticantes de musculação em academias. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 11. Num. 62. 2017. p. 219-231. Disponível em:

-Santos, A.V.; Farias, F.O. Consumo de suplementos nutricionais por praticantes de atividades físicas em duas academias de Salvador-BA. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 11. Num. 64. 2017. p. 454-461. Disponível em:

-Silva, M.L.; Teixeira, L.J.M.; Lima, J.S.; Pereira, F.O.; Menezes, M.E.S. Consumo de suplementos alimentares por praticantes de atividade física em academias de ginástica em Cuité, Paraíba. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 11. Num. 65. 2017. p. 644-653. Disponível em:

-Souza, E.A.; e colaboradores. Atividade física e alimentação saudável em escolares brasileiros: revisão de programas de intervenção. Caderno de Saúde Pública. Vol. 27. Num. 8. 2012. p. 1459-1471.

-Sussmann, K. Avaliação do consumo de suplementos nutricionais por praticantes de exercício físico em academia na zona sul do Rio de Janeiro. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 7. Num. 37. 2013. p.35-42. Disponível em:

-Trog, S.D.; Teixeira, E. Uso de suplementação alimentar com proteínas e aminoácidos por praticantes de musculação do município de Irati-PR. Cinergis. Vol. 10. Num. 1. 2009. p. 43-53.

-UNESCO. Fundação Vale. Nutrição no esporte. Brasília. Vol. 8. Num.1. 2013. p.44.

-Wieczorkowski, D. Análise nutricional e de rotulagem em suplementos proteicos para atletas a base de soro do leite. Trabalho de Conclusão de Curso. Curso de Farmácia. Faculdade Assis Gurgacz-FAG. Cascavel. 2015.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBNE - Revista Brasileira de Nutrição Esportiva

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui