Consumo alimentar de indivíduos que frequentam academia de musculação

Cynthia Lossio de Brito, Ana Kelly Morais dos Santos, Francisca Gracielly Reinaldo Galvão, Suyany Silva Moura, Patricia Dore Vieira

Resumo


Introdução: A procura de adolescentes, adultos e idosos pela prática de musculação tem se tornado maior na busca de ganho de massa e fortalecimento muscular, perda de peso, melhoria da saúde e qualidade de vida. Para otimizar os efeitos do exercício físico a nutrição adequada é bastante relevante. Objetivo: Avaliar o consumo alimentar de indivíduos que frequentam academias de musculação. Método: Trata-se de um estudo descritivo e quantitativo, após a autorização e assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido, foi feita a coleta. O formulário foi respondido por 30 participantes com idade igual ou superior a 18 anos que frequentavam as academias de musculação da cidade de Jardim-CE. Resultado e Discussão: Observou-se que há inadequações alimentares tanto no pré treino como no pós treino, e apenas um participante que utiliza suplementação com prescrição por nutricionista. Conclusão: Percebeu-se que é necessário que cada indivíduo tenha mais interesse em cuidar da sua alimentação, obedecendo todas as regras quanto ao consumo alimentar apropriado para a prática do exercício, como para os cuidados na escolha de uma suplementação sob prescrição de nutricionista, profissional apto a prescrever estes produtos.  

 

ABSTRACT 

Food consumption of individuals frequenting musculation academy

Introduction: The search of adolescents, adults and the elderly for the practice of bodybuilding has become greater in the search for mass gain and muscle strengthening, weight loss, better health and quality of life. To optimize the effects of physical exercise proper nutrition is quite relevant. Objective: To evaluate the food consumption of individuals attending bodybuilding academies. Method: It is a descriptive and quantitative study, after the authorization and signing of the Term of Free and Informed Consent, the collection was done. The form was answered by 30 participants aged 18 or over who attended the fitness centers of the city of Jardim - CE. Result and Discussion: It was observed that there are dietary inadequacies in both pre-training and post-training, and only one participant who uses nutrition supplementation with a nutritionist prescription. Conclusion: It was noticed that it is necessary that each individual has more interest in taking care of their food, obeying all the rules regarding the appropriate food consumption for the practice of the exercise, and for the care in the choice of a prescription supplementation of nutritionist, professional able to prescribe these products.


Palavras-chave


Nutrição; Suplemento alimentar; Musculação

Texto completo:

PDF

Referências


-Aragão, A. R.; Fernandes, D. C. Consumo alimentar e de suplementos no pré e pós treino em homens praticantes de musculação em Goiana, Goiás. Revista Estudos. Vol. 41. Núm. especial, 2014. p. 15-29. Disponível em: Acesso em: 05 de dezembro de 2017.

-Brasil, Resolução nº 8.234, de 17 de setembro de 1991. Regulamenta a profissão de Nutricionista e determina outras providencias. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 17 de set. de 1991. Disponível em: Acesso em: 07 de dezembro de 2017.

-Jesus, I. A. B.; Oliveira, D. G.; Moreira, A. P. B. Consumo alimentar e de suplementos nutricionais por praticantes de exercício físico em academia de juiz de fora-MG. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 11. Núm. 66. 2017, p. 695-707. Disponível em:

-Jesus, E. V.; Silva, M. D. B. Suplemento alimentar como recurso ergogênico por praticantes de musculação em academias. Anais do III Encontro de Educação Física e Áreas Afins, ISSN 1983-8999, 2008.

-Lima, L. M.; Lima, A. S.; Braggion, G, F. Avaliação do consumo alimentar de praticantes de musculação. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 9. Núm. 50. 2015, p. 103-110. Disponível em:

-Liz, C. M.; Andrade, A. Analise qualitativa dos motivos de adesão e desistência da musculação em academias. Revista Brasileira Ciências Esporte. Vol. 38. Núm. 3. 2016, p. 267-274. Disponível em: Acesso em: 29 de novembro de 2017.

-Lopes, F. G.; e colaboradores. Conhecimento sobre nutrição e consumo de suplementos em academia de ginástica de juiz de fora, Brasil. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 21. Núm. 6. 2015. p. 451-456. Disponível em: Acesso em: 12 de dezembro de 2017.

-Menon, D.; Santos, J. S. Consumo de proteína por praticantes de musculação que objetivam hipertrofia muscular. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 18. Núm. 1. 2012, p. 8-12. Disponível em: Acesso em: 20 de novembro de 2017.

-Revacci, G. R., Nardi, L., Waitzberg. Ácidos graxos e exercício físico. In: Nutrição esportiva: Aspectos relacionados à suplementação nutricional. Nabholz, T. V. São Paulo: Sarvier, 2007.

-Rodrigues, A. L. P. Caracterização do perfil e dos hábitos de suplementação alimentar de praticantes de musculação em uma academia do município de Fortaleza-CE. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 11. Núm. 66. 2017. p. 662-668. Disponível em:

-Santos, E. C. B.; Ribeiro, F. E. O.; Liberali, R. Comportamento alimentar pré-treino de praticantes de exercício físico do período da manhã de uma academia de Curitiba-PR. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 5. Núm. 28. 2011. p. 305-316. Disponível em:

-Sociedade Brasileira de Medicina no -Esporte (SBME). Diretrizes da Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte. Modificações dietéticas, reposição hídrica, suplementos alimentares e drogas: comprovação de ação ergogênica e potenciais riscos para a saúde. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 15. Núm. 3. 2009, p. 3-12. Disponível em: Acesso em: 30 de novembro de 2017.

-Szuck, P.; Salgueirosa. F.; Venturi, I. Características do consumo de suplementos proteicos e aminoácidos por praticantes de exercícios contra resistidos das academias da cidade de canoinhas, SC-Brasil. Revista Saber Científico, Porto Velho. Vol. 3. Núm. 1. 2011, p. 1-11. Disponível em: Acesso em: 12 de novembro de 2017.

-Torcate, E. F.; Pawlack, A.; Oliveira, A. G.; Ribas, M. R. Perfil antropométrico e dietético de corredores de rua da cidade de Curitiba-PR. Revista Brasileira de Prescrição e Fisiologia do Exercício. São Paulo. Vol. 10. Núm. 61. 2016, p. 670-678. Disponível em:


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBNE - Revista Brasileira de Nutrição Esportiva

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui