Avaliação da auto-imagem corporal e o comportamento alimentar de mulheres

Ana Caroline Castro Ferreira Fernandes, Aline Lustosa Sales da Silva, Karine Feitosa Medeiros, Natielle Queiroz, Liliane Machado Machado Melo

Resumo


A imagem corporal pode ser conceituada como uma construção multidimensional, que representa como os indivíduos pensam, sente e se comportam a respeito de seus atributos físicos. Teve-se como objetivo avaliar a imagem corporal e o comportamento alimentar das mulheres atendidas em uma clínica escola, a fim de diagnosticar precocemente possíveis transtornos alimentares. A amostra foi composta de 60 adultas, do sexo feminino com faixa etária de 19 a 30 anos. A avaliação foi feita por meio de aferição das medidas de peso (kg), estatura (m) e circunferência da cintura (cm). Para análise da percepção da auto-imagem corporal foram aplicados dois questionários: BSQ e a escala de silhueta. A avaliação do comportamento alimentar foi realizada pelo EAT-26. Todos os participantes da pesquisa assinaram o Termo de consentimento livre e esclarecido e o Termo de Assentimento no caso de adolescente. Para análise estatística utilizou-se o software (SPSS) versão 12.0. Os resultados encontrados evidenciaram a maior prevalência de 85% de insatisfação corporal de acordo com escalas de silhuetas, porém houve resultados negativos para transtornos alimentares 63,33% e ausência da distorção da imagem corporal 53,33%, de acordo com EAT-26 e BSQ-34 respectivamente. A maior procura do atendimento na clínica foi de hipertrofia muscular (35%). Conclui-se uma predominância de insatisfação corporal em relação à escalas de silhuetas, porém os resultados referentes à distorção corporal e transtornos alimentares tiveram índices negativos, evidenciando uma percepção de imagem nos padrão de normalidade e baixo risco de surgimentos transtornos alimentares.

 

ABSTRACT 

Evaluation of auto-body image and eating behavior of women

Body image can be conceptualized as a multidimensional construct, which is how individuals think, feel and behave about their physical attributes. The aim was to evaluate body image and eating behavior of women attending a clinic school, to diagnose early possible eating disorders. The sample consisted of 60 adult females aged between 19-30 years. The evaluation was made by measuring the measurements of weight (kg), height (m) and waist circumference (cm). To analyze the perception of body image were applied two questionnaires: BSQ and the silhouette of scale. Evaluation of feeding behavior was conducted by the EAT-26. All participants signed the free and informed consent term and Consent Statement on adolescent case. Statistical analysis was performed using the software (SPSS) version 12.0. The results showed the highest prevalence of 85% of body dissatisfaction according silhouettes scales, but there was negative 63.33% for eating disorders and lack of distortion of body image 53.33%, according to EAT-26 and BSQ-34 respectively. The increased demand for care in the clinic was muscle hypertrophy (35%). It follows a predominance of body dissatisfaction with silhouettes of scales, but the results for body distortion and eating disorders had negative rates, showing an image of perception normal standard and low in risk arisings eating disorders.

Palavras-chave


Imagem corporal; Comportamento Alimentar; Obesidade; Estado nutricional

Texto completo:

PDF

Referências


-Alves, D.; e colaboradores. Cultura e Imagem corporal. Motricidade. Vol. 5. Num. 1. p.1-20. 2009.

-Andrade, A.; Bosi, M. L. M. Mídia e subjetividade: impacto no comportamento alimentar feminino. Revista de Nutrição. Vol. 16. Núm. 1. p.117-125. 2006

-Bertoletti, J.; e colaboradores. Imagem corporal e bailarinas profissionais. Revista Bras Med Esporte. Vol. 16. Num. 3. 2010.

-Branco, L. M.; Hilário, M. O. E.; Cintra, I. P.; Percepção e satisfação corporal em adolescentes e relação com seu estado nutricional. Revista de Psiquiatria Clínica. Vol. 33. Num. 6. p.292. 2006

-Dumith, S. C.; e colaboradores. Insatisfação corporal em adolescentes: um estudo de base populacional. Ciência e Saúde Coletiva. Vol. 17. Num. 9. p.2499-2505. 2012.

-Freitas, A.; Rocha, N. D.; Gastaldon, L.; Trevisan, J. F. P. Insatisfação da imagem corporal, práticas alimentares e de emagrecimento em adolescentes do sexo feminino. Revista Brasileira de Nutrição Clínica. Vol. 24. Num. 3. p.166-173. 2010.

-Garcia, C. A. Comportamento alimentar e imagem corporal entre estudantes de nutrição de uma universidade pública de porto alegre-RS. Rev HCPA. Vol. 30. Num. 3. p.219-224. 2010

-Gouveia, V. V.; e colaboradores. Auto-imagem e sentimento de constrangimento. PSICO. Vol. 36. Num. 3. p.231-241. 2005.

-Junior, P. M.; Junior, W. C.; Silveira, F. V. Percepção e distorção da auto-imagem corporal em praticantes de exercício físico: a importância do exercício físico na imagem corporal. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 7. Num. 42. p.345-352. 2013. Disponível em:

-Martins, C. R. Insatisfação com a imagem corporal e relação com estado nutricional, adiposidade corporal e sintomas de anorexia e bulimia em adolescentes. Rev Psiquiatr. Vol. 32. Num. 1. p.19-23. 2009.

-Moreira, L. A. C.; Azevedo, A. B. G.; Queiroz, D.; Moura, L.; Espirito Santo, D.; Cruz, R.; e colaboradores. Body image in a sample of undergraduate medical students from Salvador, Bahia, Brazil. J Bras Psiquiatr. Vol. 54. Num. 4. p.294-297. 2005.

-Stipp, L. M.; Oliveira, M. R. M. Imagem Corporal e Atitudes Alimentares: diferenças entre estudantes de Nutrição e de Psicologia. Saúde Rev. Vol. 5. Num. 9. p.47-51. 2003.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBNE - Revista Brasileira de Nutrição Esportiva

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui