Adiposidade relativa em adultos: comparação entre duas padronizações de medidas antropométricas

  • Joaquim Huaina Cintra Andrade Programa de pós-graduação latu-sensu em Ciência do Treinamento de Força, Universidade Estadual do Ceará (UECE), Fortaleza, Ceará, Brasil.
  • Brena Custódio Rodrigues Programa de pós-graduação stricto sensu em Saúde Pública, Universidade Federal do Ceará (UFC), Fortaleza, Ceará, Brasil.
  • Francisco Nataniel Macedo Uchôa Programa de pós-graduação stricto sensu em Ciências do Desporto, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), Vila Real, Portugal.
Palavras-chave: Antropometria, Dobras cutâneas, Adiposidade, Composição corporal

Resumo

Objetivo: comparar a adiposidade relativa estimada a partir de variáveis mensuradas com duas diferentes padronizações de medidas antropométricas. Métodos: estudo transversal e quantitativo desenvolvido com 36 sujeitos de ambos os sexos e faixa etária de 18 a 35 anos (23,33 ± 4,84) na cidade de Fortaleza, Ceará, Brasil. A mensuração das medidas de variáveis antropométricas foi conduzida em conformidade às padronizações do Anthropometric Standardization Reference Manual (Lohman, Roche e Martorell) e International Standards for Anthropometric Assessment (Esparza-Ros, Vaquero-Cristóbal e Marfell-Jones). Estimou-se a densidade corporal utilizando a equação generalista de Petroski corresponde ao sexo. O valor obtido foi transformado em adiposidade relativa mediante a equação de Siri. Empregou-se estatística descritiva. Foi utilizado o teste t de student com valor significativo p<0,05 e o teste pareado com cálculo do tamanho do efeito. Resultados: no sexo feminino, apenas a dobra cutânea subescapular apresentou valor médio superior (p=0,02) para a padronização de Esparza-Ros, Vaquero-Cristóbal e Marfell-Jones. Independente do sexo, não houve diferença estatisticamente significante na densidade corporal e adiposidade relativa ao compará-las com as padronizações investigadas. Conclusão: em adultos fisicamente ativos de ambos os sexos, não houve diferença com significância nos valores de adiposidade relativa estimados a partir de variáveis mensuradas com duas diferentes padronizações de medidas antropométricas.

Referências

-Aniteli, T.; Florindo, A.; Pereira, R.; Martini, L. Desenvolvimento de equação para estimativa da gordura corporal de mulheres idosas com osteoporose e osteopenia através da espessura de dobras cutâneas tendo como referência absorciometria por dupla emissão de raios X. Rev Bras Med Esporte. Vol. 12. Num. 6. 2006. p.326-330.

-Aragon, A.A.; Schoenfeld, B.J.; Wildman, R.; Kleiner, S.; Vandusseldorp, T.; Taylor, L.; Earnest, C.P.; Arciero, P.J.; Wilborn, C.; Kalman, D.S.; Stout, J.R.; Willoughby, D.S.; Campbell, B.; Arent, S.M.; Bannock, L.; Smith-Ryan, A.E.; Antonio, J. International society of sports nutrition position stand: diets and body composition. Journal of the International Society of Sports Nutrition. Vol. 14. Num. 16. 2017.

-Beraldo, R.A.; Vassimon, H.S.; Navarro, A.M.; Foss-Freitas, M.C. Development of predictive equations for total and segmental body fat in HIV-seropositive patients. Nutrition. Vol. 31. Num. 1. 2015. p.127-131.

-Björntorp, P. Hormonal control of regional fat distribution. Hum Reprod. Vol. 12. Num. 1. 1997. p.21-25.

-Borgs, J.H.; Ribeiro, R.R.; Silva, A.C.; Pegoraro, M.; Santos, K.D.; Minatto, G. Comparação entre diferentes instrumentos e equações preditivas de análise da composição corporal. Arquivos de Ciências do Esporte. Vol. 1. Num. 2. 2014. p.70-74.

-Clarys, J.P.; Martin, A.D.; Drinkwater, D.T.; Marfell-Jones, M.J. The skinfold: myth and reality. Journal of Sports Sciences. Vol. 5. Num. 1. 1987. p.3-33.

-Clarys, J.P.; Provyn, S.; Marfell-Jones, M.J. Cadaver studies and their impact on the understanding of human adiposity. Ergonomics. Vol. 48. Num. 11-14. 2005. p. 1445-1461.

-Cohen, J. Statistical power analysis for the behavioral sciences. 1988.

-Cyrino, E.S.; Okano, A.H.; Glaner, M.F.; Romanzini, M.; Gobbo, L.A.; Makoski, A.; Bruna, N.; Melo, J.C.; Tassiet, G.N. Impacto da utilização de diferentes compassos de dobras cutâneas para análise da composição corporal. Revista Bras Med Esporte. Vol. 9. Num. 3. 2003. p.145-149.

-Daniell, N.; Olds, T.; Tomkinson, G. The importance of site location for girth measurements. Journal of Sports Sciences. Vol. 28. Num. 7. 2010. p.751-757.

-Esparza-Ros, F.; Vaquero-Cristóbal, R.; Marfell-Jones, M.J. International Standards for Anthropometric Assessment. International Society for the Advancement of Kinanthropometry (ISAK). Murcia. Spain. 2019.

-Filardo, R.D.; Leite, N. Perfil dos indivíduos que iniciam programas de exercícios em academias, quanto à composição corporal e aos objetivos em relação a faixa etária e sexo. Rev Bras Med Esporte. Vol. 7. Num. 2. 2001. p.57-61.

-Gonçalves, E. Equação de regressão com a perimetria e a DEXA para a terceira idade. Dissertação de Mestrado. Rio de Janeiro-RJ. Universidade Castelo Branco. 2004.

-Gonçalves, E.C.; Policarpo, F.; Fernandes-Filho, J. Equação de estimativa da composição corporal de idosos do sexo masculino. Rev. Salud Pública. Vol. 16. Num. 5. 2014. p.753-764.

-Guedes, D.P. Estudo da gordura corporal através da mensuração dos valores de densidade corporal e espessura de dobras cutâneas em universitários. Dissertação de Mestrado. Santa Maria-RS. Universidade Federal de Santa Maria. 1985.

-Guedes, D.P.; Rechenchosky, L. Comparação da gordura corporal predita por métodos antropométricos: índice de massa corporal e espessuras de dobras cutâneas. Rev Bras Cineantropom Desempenho Hum. Vol. 10. Num. 1. 2008. p.1-7.

-Heyward, V.; Stolarczyk, L. Avaliação da composição corporal aplicada. São Paulo. Manole. 2000.

-Hoffman, D.J.; Toro-Ramos, T.; Sawaya, A.L.; Roberts, S.B.; Rondo, P. Estimating total body fat using a skinfold prediction equation in Brazilian children. Annals of Human Biolog. Vol. 39. Num. 2. 2012. p.156-160.

-Hume, P.; Marfell-Jones, M. The importance of accurate site location for skinfold measurement. Journal of Sports Sciences. Vol. 26. Num. 12. 2008. p.1333-1340.

-Lima, L.R.A.; Martins, P.C.; Júnior, C.A.S.A.; Castro, J.A.C.; Silva, D.A.S.; Petroski, E.L. Are traditional body fat equations and anthropometry valid to estimate body fat in children and adolescents living with HIV? Braz J Infect Dis. Vol. 21. Num. 4. 2017. p.448-456.

-Lohman, T.G.; Roche, A.F.; Martorell, R. Anthropometric standardization reference manual. Champaign: Human Kinetics. 1991.

-Marfell-Jones, M.; Olds, T.; Stewart, A.; Carter, L. International standards for anthropometric assessment. International Society for the Advancement of Kinanthropometry (ISAK). Potchefstroom. South África. 2006.

-Martin, A.D.; Drinkwater, D.T.; Clarys, J.P.; Daniel, M.; Ross, W.D. Effects of skin thickness and skinfold compressibility on skinfold thickness measurement. Am J Hum Biol. Vol. 4. 1992. p.453-460.

-Martin, A.D.; Ross, W.D.; Drinkwater, D.T.; Clarys, J.P. Prediction of body-fat by skinfold caliper: assumptions and cadaver evidence. International Journal of Obesity. Vol. 9. Num. 1. 1985. p.31-39.

-Norton, K. Estimativas antropométricas de gordura corporal. In: Norton, K.; Olds, T. Antropométrica: um livro sobre medidas corporais para o esporte e cursos da área da saúde. Porto Alegre. Artmed. 2005. p.176.

-Novack, L.F.; Ferreira, G.A.; Coelho, R.L.; Osiecki, R. Novel equations to predict body fat percentage of brazilian professional soccer players: A case study. Motriz. Vol. 20. Num. 4. 2014. p.402-407.

-Okano, A.H.; Carvalho, F.O.; Cyrino, E.S.; Gobbo, L.A.; Romanzini, M.; Glaner, M. F.; Reichert, F.F.; Avelar, A. Utilização do adipômetro Cescorf para estimativa da gordura corporal relativa a partir de equações validadas com o adipômetro Lange. Rev Educ Fís/UEM. Vol. 9. Num. 3. 2008. p.431-436.

-Pederson, D.; Gore, C. Erro em medição antropométrica. In: Norton K, Olds T. Antropométrica: um livro sobre medidas corporais para o esporte e cursos da área da saúde. Porto Alegre. Artmed. 2005. p.39-87.

-Petroski, E.L. Desenvolvimento e validação de equações generalizadas para a estimativa da densidade corporal em adultos. Tese de Doutorado. Santa Maria-RS. Universidade Federal de Santa Maria. 1995.

-Rech, C.R.; Santos, D.L.; Silva, J.C.N. Desenvolvimento e validação de equações antropométricas para predição da gordura corporal em mulheres de 50 a 75 anos. Rev. Bras. Cineantropom. Desempenho Hum. Vol. 8. Num. 1. 2008. p.5-13.

-Ripka, W.L.; Ulbricht, L.; Gewehr, P. M. Body composition and prediction equations using skinfold thickness for body fat percentage in Southern Brazilian adolescents. PloS One. Vol. 12. Num. 9. 2017. p.1-13.

-Rossato, M.; Dellagrana, R. A.; Costa, R. M.; Bezerra, E. S.; Santos, J. O. L.; Rech, C. R. The accuracy of anthropometric equations to assess body fat in adults with down syndrome. Journal of Applied Research in Intellectual Disabilities. Vol. 31. Num. 2. 2016. p.193-199.

-Ruiz, L.; Colly, J.R.T.; Hamilton, P.J.S. Measurement of triceps skinfold thickness: an investigation of sources of variation. British Journal of Preventive and Social Medicine. Vol. 25. 1971. p.165-167.

-Salem, M.; Fernandes-Filho, J.; Pires-Neto, C. S. Development and validation of specific anthropometric equations to determine the body density of Brazilian Army military women. Rev Bras Med Esporte. Vol. 3. Num. 1. 2014. p. 147-151.

-Silva, D.A.S.; Pelegrini, A. Pires-Neto, C.S.; Vieira, M.F.S.; Petroski, E.L. Como melhorar a qualidade das mensurações antropométricas? In: Petroski, E.L. Antropométrica: técnicas e padronizações. São Paulo. 5ª edição. Fontoura. 2011. p.165-172.

-Silva, Y.G.M. Desenvolvimento de equações para análise da composição corporal em jovens atletas de voleibol do sexo masculino. Dissertação de Mestrado. Campinas-SP. Universidade Estadual de Campinas. 2016.

-Siri, W.E. Body composition from fluid space and density: analysis of method in: Brozek J, Henschel A. Techniques for measuring body composition. Washington: National Academy of Sciences. 1961.

-Stewart, A.; Marfell-Jones, M.; Olds, T.; Ridder, H. International Standards for Anthropometric Assessment. International Society for the Advancement of Kinanthropometry (ISAK). Lower Hutt, New Zealand. 2011.

Publicado
2020-08-04
Como Citar
Andrade, J. H. C., Rodrigues, B. C., & Uchôa, F. N. M. (2020). Adiposidade relativa em adultos: comparação entre duas padronizações de medidas antropométricas. RBNE - Revista Brasileira De Nutrição Esportiva, 13(82), 930-938. Recuperado de http://www.rbne.com.br/index.php/rbne/article/view/1483
Seção
Artigos Científicos - Original