Análise do consumo de suplementos alimentares e percepção corporal de praticantes de exercícios físicos em academia do município de Palmitinho-RS

  • Natalha Maria Cheffer Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões- Campus de Frederico Westphalen
  • Fábia Benetti Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões-Campus Frederico Westhalen
Palavras-chave: Suplementação alimentar, Atividade física, Imagem corporal

Resumo

Nos esportes, vários recursos ergogênicos têm sido usados, em virtude dos supostos efeitos na melhoria no desempenho, força, resistência. O forte apelo da mídia populariza estes produtos, e leva milhares de pessoas a fazer uso indevido, fato que poderá trazer riscos para a saúde destes indivíduos. Em vista do cenário atual desta discussão, o presente estudo teve como objetivo analisar o consumo de suplementos alimentares, a percepção corporal e as medidas antropométricas de praticantes de exercícios físicos de uma academia localizada no município de Palmitinho-RS. Foi aplicado um questionário contendo 16 perguntas objetivas e discursivas em 37 indivíduos praticantes de exercícios físicos de ambos os sexos, com idade entre 18 e 35 anos, sendo 59,45% do sexo masculino. Os resultados mostram que 37,84% dos pesquisados consumiam algum tipo de suplemento alimentar, dentre os mais utilizados destaca-se o whey protein. O professor de academia foi a maior fonte de indicação dos suplementos (42,86%), seguido dos amigos (35,71%) e nutricionista (21,43%). De acordo com o estado nutricional, verificou-se que 62,17% dos pesquisados estavam eutróficos e quanto à autopercepção corporal, 83,78% apresentaram-se insatisfeitos com a sua imagem. Os resultados demonstram que o consumo de suplementos alimentares foi relativamente baixo, porém estão sendo estimulados por profissionais não capacitados. A insatisfação corporal estava relacionada à forma física, demonstrando a necessidade de inserir profissionais de nutrição em academias para orientação desses indivíduos.

 

ABSTRACT 

Analysis of the consumption of food supplements and the body perception in physical exercises practitioners in gym in the city of Palmitinho-RS

In sports, several ergogenic resources have been used because of the alleged effects on improvement in performance, strength, and endurance. The strong media's appeal popularizes these products and brings thousands of people to misuse, a fact that may cause risks to the health of these individuals. In view of the current scenario of this discussion, this study aimed to analyze the consumption of food supplements, the body perception and the anthropometric measurements of physical exercises practitioners in a gym located in the city of Palmitinho-RS. A questionnaire containing 16 objective and essay questions was applied in 37 individuals who are practitioners of physical exercises of both sexes, with aged between 18 and 35 years, being 59.45% male. The results show that 37.84% of interviewees consumed any food supplement, among the most used the whey protein stands out. The main indication source of the supplements was the gym professor (42.86%), followed by friends (35.71%), and the nutritionist (21.43%). According to the nutritional status, it was verified that 62.17% of interviewees were eutrophics, and about the body self-perception, 83.78% were unsatisfied with their image. The results show that consumption of food supplements was relatively low, but untrained professionals are stimulating them. The body dissatisfaction was related to physical form, demonstrating the need to include nutrition professionals into gyms to advise these individuals.

Biografia do Autor

Natalha Maria Cheffer, Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões- Campus de Frederico Westphalen
Acadêmica do Curso de Nutrição Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões- Campus de Frederico Westphalen. Departamento de Ciências da Saúde.
Fábia Benetti, Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões-Campus Frederico Westhalen
Nutricionista. Mestre em Envelhecimento Humano.Docente do Curso de Nutrição da Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões- Campus de Frederico Westphalen. Departamento de Ciências da Saúde.
Publicado
2016-08-02
Como Citar
Cheffer, N. M., & Benetti, F. (2016). Análise do consumo de suplementos alimentares e percepção corporal de praticantes de exercícios físicos em academia do município de Palmitinho-RS. RBNE - Revista Brasileira De Nutrição Esportiva, 10(58), 390-401. Recuperado de http://www.rbne.com.br/index.php/rbne/article/view/655
Seção
Artigos Científicos - Original