Dietas da moda consumidas por desportistas de um clube e academias em São Paulo

Luana Romão Nogueira, Aline Veroneze de Mello, Mônica Glória Neumann Spinelli, Juliana Masami Morimoto

Resumo


A utilização de dietas da moda é resultado da busca por uma forma esteticamente aceitável. Esse tipo de dieta é denominado deste modo, pois são práticas temporárias, populares, que prometem resultados rápidos, mas necessitam de maiores embasamentos científicos. Portanto, o estudo teve como finalidade avaliar o uso de dietas veiculadas pela mídia. Foram avaliados 100 desportistas, frequentadores de um clube e academias de São Paulo. Para tanto, utilizou-se um questionário que abordou dados sobre treino, satisfação com o peso corporal, dietas e alimentos da moda, peso e altura e acompanhamento com nutricionista. Verifica-se predomínio de indivíduos do sexo masculino (56%), com média de idade de 32,7 anos. A maioria encontra-se eutrófico e pratica musculação entre 4-6 dias, treinando de 1-2 horas, com objetivo de melhorar a qualidade de vida. Sobre os alimentos da moda, 62% acreditam que contribuem para a perda de peso independentemente de consumi-los. A maioria dos indivíduos que se consideram magros e dentro do peso estão satisfeitos com o peso, enquanto indivíduos que se consideram acima do peso estão insatisfeitos. Quanto às dietas da moda, a mais frequente é a Detox, seguida da dieta Dukan. Os sintomas associados ao uso de dietas foram fraqueza, irritabilidade, tontura e perda de cabelo. Apenas 15,3% permaneceram com o peso reduzido por mais de um ano. A maioria acredita que a consulta com nutricionista é eficaz. Por fim, destaca-se que o auxílio do nutricionista é fundamental aos desportistas e que dietas da moda são ineficazes a longo prazo.

 

ABSTRACT 

Diet fads consumed by athletes of a club and academies in São Paulo

The use of diet fads is the result of the increasing obsession for an acceptable physical shape. These type of diets are called this way because they are popular temporary practices that promise quick results but need further scientific demonstration. The study had the purpose of evaluating the use of the most popular diets reported on media vehicles. A 100 sportsmen who attend a sports club and gyms in São Paulo completed a questionnaire regarding training data, body weight satisfaction, food and diet fads, weight and height and accompaniment with nutritionist. There was a predominance of males (56%), with an average age of 32.7 years. The majority was eutrophic, worked out between 4-6 days a week, and practiced an average 1-2 hours a day with the aim of improving life quality. Concerning popular food, 62% believe that they contribute to weight loss regardless of actual consumption. Most people who considered themselves thin and underweight were satisfied with their weight, while individuals who considered themselves overweight were unsatisfied. The most frequent diet fads was the Detox followed by the Dukan diet. Symptoms associated with the use of diets were weakness, irritability, dizziness and hair loss. Only 15.3% sustained their weight loss for more than a year. Most participants believed that seeing a nutritionist regularly is effective. Finally, the research clearly concluded that the help of a nutritionist is essential for sportsmen and that diet fads are ineffective in the long term.


Palavras-chave


Cultura; Alimentos; Exercício; Imagem Corporal; Nutricionistas

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBNE - Revista Brasileira de Nutrição Esportiva

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui