Conhecimentos acerca da alimentação saudável e consumo de suplementos alimentares por praticantes de atividade física em academias

Anália Josielle Silva Barros, Maria Tereza Crisóstomo Pinheiro, Vinícius Dias Rodrigues

Resumo


A nutrição e o exercício estabelecem uma inter-relação importante, pois uma alimentação balanceada e nutritiva melhora o rendimento do organismo, o desempenho físico, promove o reparo e construção de tecidos corporais, além de potencializar o efeito dos treinos. O objetivo deste estudo foi analisar os conhecimentos acerca da alimentação saudável e uso de suplementos alimentares por praticantes de atividade física em academias de ginástica da cidade de Montes Claros-MG. Participaram da pesquisa 95 indivíduos, de ambos os sexos, com faixa etária entre 18 e 40 anos. Os participantes responderam a um questionário adaptado de Zamin e Schimanoski (2010), contendo 20 perguntas, sendo13 objetivas e 7 discursivas relacionadas à identificação, conhecimentos sobre alimentação saudável, fontes alimentares de nutrientes e uso de suplementos nutricionais. Quanto à autoavaliação do nível de conhecimentos acerca da alimentação saudável, mais da metade respondeu ter conhecimento “suficiente” (48,4%) ou “muito bom” (33,7%), entretanto, 63% dos indivíduos responderam erroneamente que a proteína é o macronutriente que se deve ter o maior consumo diário. Os alimentos proteicos são o tipo de suplemento mais consumido entre os praticantes de atividade física (81,25%), seguido dos repositores energéticos (53,2%) e aminoácidos de cadeia ramificada (34,37%). Com isso, se faz necessária a educação nutricional para este público por meio do profissional habilitado, e ainda a conscientização dos profissionais de educação física quanto à prescrição/indicação de suplementos alimentares, tendo em vista que esta é uma atividade privativa do nutricionista e deve ser feita respeitando o consumo e gasto energético de cada pessoa.

 

ABSTRACT 

Knowledge about healthy food and supplements food consumption by practitioners in physics academies

The nutrition and exercise establish an important inter-relationship as a balanced and nutritious diet improves the efficiency of the body, physical performance, promotes the repair and construction of body tissues, and maximize the effect from training. The aim of this study was to analyze the knowledge about healthy diet and use of dietary supplements by physically active in fitness centers in the city of Montes Claros, Minas Gerais. The participants were 95 individuals of both sexes, aged between 18 and 40 years. They answered a questionnaire adapted from Zamin and Schimanoski (2010), containing 20 questions: 13 objectives and 7 discursive. These questions were about identification, knowledge about healthy eating, dietary sources of nutrients and use of nutritional supplements. As for the self-assessment of the level of knowledge about healthy feeding, more than half reported having “enough” knowledge (48.4%) or "very good" (33.7%), however, 63% of subjects responded incorrectly that the protein is the macronutrient that should have the highest daily consumption. Protein foods are the most consumed type of supplement among physically actives (81.25%), followed by energy stockers (53.2%) and branched chain amino acids (34.37%). Thus, it is necessary a nutrition education for this audience through a qualified professional, and even the awareness of physical education professionals as to the prescription / indication of dietary supplements, given that this is a prerogative of the nutritionist and must be respected the consume and energy expenditure of each person.

Palavras-chave


Hábitos Alimentares Saudáveis; Exercício Físico; Macronutrientes

Texto completo:

PDF

Referências


-Adam, B. O.; Fanelli, C.; Souza, E.; Stulbach, T.; Monomi, P. Conhecimento nutricional de praticantes de musculação de uma academia da cidade de São Paulo. Brazilian Journal of Sports Nutririon. Vol. 2. Num. 2. 2013. p.24-36.

-Agência Nacional de Vigilância Sanitária - ANVISA. Atletas. Disponível em: . Acesso em: 25/03/2015.

-Albuquerque, M. M. Avaliação do consumo de suplementos alimentares nas academias de Guará-DF. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 6. Num. 32. 2012. p.112-117. Disponível em:

-Alves, S. C. R.; Navarro, F. O uso de suplementos alimentares por frequentadores de academia de Potim-SP. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 4. Num. 20. 2010. p.139-146. Disponível em:

-Andrade, L. A.; Braz, V. G.; Nunes, A. P. O.; Velutto, J. N., Mendes, R. R. Consumo de suplementos alimentares por pacientes de uma clínica de nutrição esportiva de São Paulo. Revista Brasileira de Ciência e Movimento. Vol. 20. Num. 3. 2012. p.27-36.

-Araújo, M. F.; Navarro, F. Consumo de suplementos nutricionais por alunos de uma academia de ginástica, Linhares, Espírito Santo. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 2. Num. 8. 2008. p.46-54. Disponível em:

-Barbosa, D. A.; Oliveira, J. S.; Siqueira, E. C. S.; Fagundes, A. T. S. Avaliação do consumo de suplementos nutricionais por praticantes de musculação. Lecturas: Educación Física y Deportes. Buenos Aires. Num. 162. 2011.p. 1-12.

-Bezerra, C. C.; Macedo, E. M. C. Consumo de suplementos a base de proteína e o conhecimento sobre alimentos proteicos por praticantes de musculação. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 7. Num. 40. 2013. p.224-232. Disponível em:

-Braggion, G. F. Suplementação alimentar na atividade física e no esporte: aspectos legais na conduta do nutricionista. Nutrição Profissional. Vol. 4. Num. 17. 2008. p.40-50.

-Brito, D. S.; Liberali, R. Perfil do consumo de suplemento nutricional por praticantes de exercício físico nas academias da cidade de Vitória da Conquista - BA. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 6. Num. 31. 2012. p.66-75. Disponível em:

-Calliari, I. C. R. R. Saúde X Estética: Objetivos da prática da ginástica de academia em municípios do interior dos Estados do Paraná e Santa Catarina, Brasil. Revista UNIANDRADE. Vol. 15. Num. 3. 2014. p.219-230.

-Carvalho, T.; e colaboradores. Diretriz da Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte: modificações dietéticas, reposição hídrica, suplementos alimentares e drogas: comprovação de ação ergogênica e potenciais riscos para a saúde. Revista Brasileira de Medicina no Esporte. Vol. 9. Num. 2. 2003. p.43-56.

-Conselho Federal de Nutrição. Resolução CFN Nº 390/2006. Regulamenta a prescrição dietética de suplementos nutricionais pelo nutricionista e dá outras providências. Disponível em

Acessado em: 21/10/2015.

-DRI. Institute of Medicine/Food and Nutrition Board. Dietary reference intakes for energy, carbohydrate, fiber, fat, fatty acids, cholesterol, protein, and amino acids (macronutrients). National Academy Press, 2002. 1357p.

-Espínola, H. H. F.; Costa, M. A. R. A.; Navarro, F. Consumo de suplemento por usuário de academias de ginástica da cidade de João Pessoa-PB. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 2. Num. 7. 2008. p.1-10. Disponível em:

-Fayh, A. P. T.; Silva, C. V.; Jesus, F. R. D.; Costa, G. K. Consumo de suplementos nutricionais por frequentadores de academias da cidade de Porto Alegre. Revista Brasileira de Ciências do Esporte. Vol. 35. Num. 1. 2013. p.27-37.

-Fontes, A. M. S. A.; Navarro, F. Consumo de suplementos nutricionais por praticantes de atividade físicas em academias de Sete Lagoas-MG. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 4. Num. 24. 2010. p.515-523. Disponível em:

-Johann, J.; Berleze, K. J. Estado nutricional e perfil antropométrico de frequentadores de academias de ginástica, usuários ou não de suplementos de cinco municípios do interior do Rio Grande do Sul. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 4. Num. 21. 2010. p.197-208. Disponível em:

-Karstem, J.; Nesello, L. A. N. Conhecimento sobre nutrição e o uso de suplementos alimentares por praticantes de musculação. Lecturas: Educación Física y Deportes. Buenos Aires. Ano. 18. Num. 184. 2013.

-Linhares, T. C.; Lima, R. M. Prevalência do uso de suplementos alimentares por praticantes de musculação nas academias de Campos dos Goytacazes-RJ, Brasil. Vértices. Vol. 8. Num. 1. 2006. p.101-122.

-Marangon, A. F. C.; Welker, A. F. Otimizando a perda de gordura corporal durante os exercícios. Universitas: Ciências da Saúde. Vol. 1. Num. 2. 2008. p.363-376.

-Marinho, M. C. S.; Hamann, E. M.; Lima, A. C. C. F. Práticas e mudanças no comportamento alimentar na população de Brasília, Distrito Federal, Brasil. Revista Brasileira de Saúde Materno Infantil. Vol. 7. Num. 3. 2007. p.251-261.

-Ministério da Saúde. Regulamenta a profissão de Nutricionista e determina outras providências. Lei nº 8.234, de 17 de setembro de 1991. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília-DF, 18 set 1991. p. 1909.

-Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Módulo 11: Alimentação saudável e sustentável. Brasília: Universidade de Brasília. 2007.

-Missagia, S. V.; Rezende, D. C. A alimentação saudável sob a ótica do consumidor: identificando segmentos de mercado. XXXV Encontro da ANPAD. Rio de Janeiro. EnANPAD, 2011.

-Morais, A. C. L.; Silva, L. L. M.; Macêdo, E. M. C. Avaliação do consumo de carboidratos e proteínas no pós-treino em praticantes de musculação. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 8. Num. 46. 2014. p.247-253. Disponível em:

-Nicastro, H. Datillo, M.; Santos, T. R.; Padilha, H. V. G.; Zimberg, I. Z, Crispim, C. A.; Stulbach, T. E. Aplicação da escala de conhecimento nutricional em atletas profissionais e amadores de atletismo. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 14. Num. 3. 2008. p.205-208.

-Paes, S. R. Conhecimento nutricional dos praticantes de musculação da Secretaria de Estado de Esporte do Distrito Federal. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 6. Num. 32. 2012. p.105-111. Disponível em:

-Pedrosa, O. P.; Qasen, F. B.; Silva, A. C.; Pinho, S. T. Utilização de suplementos nutricionais por praticantes de musculação em academias da cidade de Porto Velho Rondônia. Anais da Semana Educa. Vol. 1. Num. 1. 2010. p.1-18.

-Pereira, J. M. O.; Cabral, P. Avaliação dos conhecimentos básicos sobre nutrição de praticantes de musculação em uma academia da cidade de Recife. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 1. Num. 1. 2007. p.40-47. Disponível em:

-Philippi, S. T. (Org.). Pirâmide dos Alimentos: Fundamentos Básicos da Nutrição. Barueri: Manole. 2008. p.387.

-Pontes, M. Uso de suplementos alimentares por praticantes de musculação em academias de João Pessoa-PB. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 7. Num. 37. 2013. p.19-27. Disponível em:

-Ramos, D. C. C.; Navarro, F. Perfil alimentar e antropométrico de praticantes de musculação na cidade de Brasília. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 6. Num. 32. 2012. p.140-145. Disponível em:

-Silva, L. S.; Silva, I. O.; Santana, F.; Santos, H. R.; Diniz, D. Nível de conhecimento nutricional em praticantes de atividades aeróbicas na cidade de Anápolis-GO. Coleção Pesquisa em Educação Física. Vol. 9. Num. 3. 2010. p.155-162.

-Szuck, P. M. S. F.; Venturi, I. Características do consumo de suplementos proteicos e aminoácidos por praticantes de exercícios contra resistidos das academias da cidade de Canoinhas-SC. Saber Científico. Vol. 3. Num. 1. 2011. p.1-11.

-Tirapegui, J.; Rossi, L.; Rogero, M. M. Proteínas e atividade física. In: Tirapegui, J. Nutrição, Metabolismo e Suplementação na Atividade Física. São Paulo. Atheneu. 2005.

-Viebig, F. R.; Nacif, M. A. L. Nutrição Aplicada à Atividade Física e ao Esporte. In Silva, S. M. C. S.; Mura. J. D. P. Tratado de Alimentação, Nutrição e Dietoterapia. Roca. 2010.

-Werutzky, C. A. Nutrição, Atividade Física e Exercício. In Oliveira, J. E. D.; Marchini, J. S. Ciências Nutricionais: Aprendendo a Aprender. Sarvier. 2008.

-Zamin, T. V.; Schimanoski, V. M. Avaliação de hábitos alimentares saudáveis e uso de suplementos alimentares entre frequentadores de academias. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 4. Num. 23. 2010. p.410-419. Disponível em:

-Zilch, M. C.; Soares, B. M.; Bennemann, G. D.; Sanches, F. L. F. Z.; Cavazzotto, T. G.; Santos, E. F. Análise da ingestão de proteínas e suplementação por praticantes de musculação nas academias centrais da cidade de Guarapuava-PR. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 6. Num. 35. 2012. p.381-388. Disponível em:


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBNE - Revista Brasileira de Nutrição Esportiva

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui