Consumo de suplementos nutricionais nas academias da cidade de Braço do Norte-SC

Ivana Rodrigues Souza, Anderson Cargnin-Carvalho

Resumo


O número de pessoas matriculadas em academias é crescente, assim como a utilização de suplementos nutricionais por praticantes de exercício físico. O objetivo deste estudo foi verificar o consumo de suplementos nutricionais por praticantes de exercícios físicos em academias da cidade de Braço do Norte, identificando os mais utilizados, a indicação e o perfil dos usuários. A pesquisa foi realizada em março e abril de 2017, onde se aplicou um questionário contendo 12 questões sobre o uso de suplementos nutricionais. A amostra foi constituída por 278 frequentadores, idade média 31,22 anos (DP = 9,71), 97 homens e 181 mulheres. A maioria praticava exercícios físicos de três a seis horas semanais; praticava musculação; tinha como objetivos, saúde, ganhar massa muscular e perder peso. Utilizavam suplementos 38,5% dos participantes, estando satisfeitos com o uso 95,3% destes. Os suplementos mais utilizados foram os hiperproteicos (85,0%). A principal finalidade mencionada para o uso foi ganhar massa muscular (82,2%). Entre os usuários 52,3% receberam indicação de nutricionistas. Verificou-se uma associação entre consumo de suplementos e gênero, faixa etária, nível de escolaridade e tempo de prática de exercício físico. Um número maior de usuários eram homens, com faixa etária entre 18 e 29 anos, com ensino superior completo e com uma prática de exercício físico superior a um ano. Conclui-se que é significativo o consumo de suplementos nutricionais nas academias pesquisadas e que estudos futuros são necessários para que este ambiente seja compreendido e considerado fisicamente saudável.

 

ABSTRACT 

Dietary supplement use in sport gyms in Braço do Norte city

The amount of people enrolled in fitness centers is increasing, as well as the use of nutritional supplements by physical exercise practitioners. The objective of this study was to verify the consumption of nutritional supplements by physical exercise practitioners in Braço do Norte, identifying the most used supplements, indication and the profile of the users. A survey was conducted in March and April 2017, it was applied a questionnaire containing 12 questions about the use of nutritional supplements. The sample consisted of 278 people, average age 31.22 years (SD = 9.71), 97 men and 181 women. Most subjects practiced physical exercises from three to six hours a week and practiced bodybuilding. Their goals were: to be healthy, to gain muscle and to lose weight. Supplements were used among 38.5% of the participants and 95.3% of them say they are satisfied. The most commonly used supplement was hyperproteins (85.0%). The main purpose mentioned for the use of supplements was to gain muscle mass (82.2%). Among the users, 52.3% received indication from nutritionists. There was association between supplementary consumption and gender, age group, educational level and time practicing physical exercise. A greater number of users were men, with ages ranging from 18 to 29 years old, complete higher education and practice of physical exercise for over one year. It is concluded that the consumption of nutritional supplements in the researched fitness centers is significant and that future studies are necessary so that this environment can be understood and considered physically healthy.


Palavras-chave


Suplementação; Academias; Esporte

Texto completo:

PDF

Referências


-Abo Ali, E. A.; Elgamal, H. H. Use of dietary supplements among gym trainees in Tanta city, Egypt. Journal of the Egyptian Public Health Association. Vol. 91. 2016. p. 185-191.

-Albuquerque, M. M. Avaliação do consumo de suplementos alimentares nas academias de Guará-DF. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 6. Num. 32. 2012. p. 112-117. Disponível em:

-Alshammari, S. A.; AlShowair, M. A.; AlRuhaim. A. Use of hormones and nutritional supplements among gyms' attendees in Riyadh. Journal of Family and Community Medicine. Vol. 24. Num. 1. 2017. p. 6.

-Attlee, A.; Haider, A.; Hassan, A.; Alzamil, N.; Hashim, M.; Obaid, R.S. Dietary Supplement Intake and Associated Factors Among Gym Users in a University Community. Journal of Dietary Supplements. 2017. p. 1-10.

-Bertulucci, K. N. B.; Schembri, T.; Pinheiro, A. M. M.; Navarro, A. C. Consumo de suplementos alimentares por praticantes de atividade física em academias de ginástica em São Paulo. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 4. Num. 20. 2010. p. 165-172. Disponível em:

-Borges, N. R.; Silva, V. S. F.; Rodrigues, V. D. Consumo de suplementos alimentares em academias de Montes Claros/MG. Revista Multitexto. Vol. 4. Num. 1. 2016. p. 54-59.

-Brasil. Resolução CFN nº 390/2006. Regulamenta a prescrição dietética de suplementos nutricionais pelo nutricionista e dá outras providências. Diário Oficial da União. 2006.

-Brito, D. S.; Liberali, R. Perfil do consumo de suplemento nutricional por praticantes de exercício físico nas academias da cidade de Vitória da Conquista-BA. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 6. Num. 31. 2012. Disponível em:

-Cermak, N. M.; Res, P.T.; De Groot, L.C.; Saris, W.H.; van Loon, L.J. Protein supplementation augments the adaptive response of skeletal muscle to resistance-type exercise training: a meta-analysis. American Journal of Clinical Nutrition. Vol. 96. Num. 6. 2012. p. 1454-1464.

-Conselho Federal de Educação Física. Academias de ginástica: mercado em constante crescimento. Revista Educação Física. Rio de Janeiro. Num. 58. 2015. p.13.

-Costa, D. C.; Rocha, N. C. A.; Quintão, D. F. Prevalência do uso de suplementos alimentares entre praticantes de atividade física em academias de duas cidades do Vale do Aço/MG: fatores associados. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 7. Num. 41. 2013. p. 287-299. Disponível em:

-Dean, A.G.; Sullivan, K.M.; Soe, M. M. OpenEpi: Open Source Epidemiologic Statistics for Public Health. 2009.

-Donatto, D. K. F.; Silva, L.; Alves, S. C.; Porto, E.; Donatto, F. Perfil antropométrico e nutricional de mulheres praticantes de musculação. Revista Brasileira de Obesidade, Nutrição e Emagrecimento. Vol. 2. Num. 9. 2008. p. 217-221. Disponível em:

-Fayh, A. P. T.; Silva, C. V.; Jesus, F. R. D.; Costa, G. K. Consumo de Suplementos Nutricionais por Frequentadores de Academias da Cidade de Porto Alegre. Revista Brasileira de Ciências do Esporte. Vol. 35. Num. 1. 2013. p. 27-37.

-Ferraz, B.S.; Ramalho, A.A.; Imada, K.S.; Martins, F.A. Consumo de suplementos alimentares por praticantes de atividade física em academias de ginástica: um artigo de revisão. Journal of Amazon Health Science. Vol. 1. Num. 2. 2015.

-Fleck, S. J.; Kraemer, W. J. Fundamentos do Treinamento de Força Muscular. Artmed Editora. 2017.

-Frade, R. E. T.; Viebig, R. F.; Moreira, I. C. L. S.; Fonseca, D. C. Avaliação do consumo de suplementos nutricionais por frequentadores de uma academia da cidade de São Paulo-SP. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 10. Num. 55. 2016. p. 50-58. Disponível em:

-Garay, L. C.; Silva, I. L.; Beresford, H. O treinamento personalizado: Um enfoque paradigmático da performance para o do bem-estar. Arquivos em Movimento. Vol. 4. Num. 1. 2008. p. 144-159.

-Hernandez, A. J.; Nahas, R. M. Modificações dietéticas, reposição hídrica, suplementos alimentares e drogas: comprovação de ação ergogênica e potenciais riscos para a saúde. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 15. Num. 3. 2009.

-Hirschbruch, M. D.; Fisberg, M.; Mochizuki, L. Consumo de Suplementos por Jovens Frequentadores de Academias de Ginástica em São Paulo. Revista Brasileira de Medicina do Esporte. Vol. 14. Num. 6. 2008. p. 539-543.

-Milani, V. C.; Teixeira, E. L.; Marquez, T. B. Fatores associados ao consumo de suplementos nutricionais em frequentadores de academias de ginástica da cidade de Nova Odessa. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 8. Num. 46. 2014. p. 264-278. Disponível em:

-Nahas, M. V.; Garcia, L. M. T. Um pouco de história, desenvolvimentos recentes e perspectivas para a pesquisa em atividade física e saúde no Brasil. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte. Vol.24. Num.1. 2010. p. 135-148.

-Nogueira, F. R. S.; Souza, A.; Brito, A. Prevalência do uso e efeitos de recursos ergogênicos por praticantes de musculação nas academias brasileiras: uma revisão sistematizada. Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde. Vol. 18. Num. 1. 2013. p. 16-30.

-Nogueira, F. R. S.; Brito, A. F.; Vieira, T. I.; Oliveira, C. V. C.; Gouveia, R. L. B. Prevalência de uso de recursos ergogênicos em praticantes de musculação na cidade de João Pessoa, Paraíba. Revista Brasileira de Ciências do Esporte. Vol. 37. Num. 1. 2015. p. 56-64.

-Oliver, A. J.; León, M. T.; Hernández, E. G. Statistical analysis of the consumption of nutritional and dietary supplements in gyms. Archivos Latinoamericanos de Nutrición. Guatemala. Vol. 58. Num. 3. 2008. p. 221-227.

-Pereira, R.F.; Lajolo, F.M.; Hirschbruch, M.D. Consumo de suplementos por alunos de academias de ginástica em São Paulo. Revista de Nutrição. Vol. 16. Num. 3. 2003. p. 265-272.

-Ponchio, M. C.; Strehlau, V. I.; Costa, A. B. B. M.; Calvente, L. B.; Alvares, S. N. Diferenças Geracionais na Avaliação da Lealdade a Suplementos Alimentares: um estudo com consumidores do município de São Paulo. FACEF Pesquisa: Desenvolvimento e Gestão. Vol. 16. Num.2. 2013. p. 182-198.

-Santos, J. A.; Sampaio, K. P. B. Os riscos do consumo de suplemento alimentar sem orientação do profissional nutricionista. Revista ENAF Science. Vol. 9. Num. 1. 2014. p. 102-106.

-Sperandio, B. B.; Silva, L. D. S.; Domingues, S. F.; Ferreira, E. F.; Oliveira, R. A. R. Consumo de suplementos alimentares e recursos ergogênicos por mulheres praticantes de musculação em UBÁ-MG. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 11. Num. 62. 2017. p.209-218. Disponível em:


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBNE - Revista Brasileira de Nutrição Esportiva

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui