Adesão de dietas de moda por frequentadores de academias de musculação do município de São Paulo

Guilherme Andrade Lira Pereira, Luís Gustavo de Souza Mota, Érico Chagas Caperuto, Daniela Maria Alves Chaud

Resumo


As dietas da moda se popularizam facilmente por prometerem benefícios em curto prazo. Contudo, a adoção dessas dietas pode ser potencialmente prejudicial à saúde. Assim, o presente estudo teve por objetivo avaliar a adesão de dietas da moda por frequentadores de academias do município de São Paulo, Brasil. Para tanto, foi realizado um estudo transversal com 50 frequentadores de academias de ginástica. A coleta de dados foi realizada por meio da aplicação de um questionário com perguntas sobre aderência a algum tipo de dieta da moda, orientação profissional, meios de divulgação dessas dietas, resultado, tempo de permanência dos resultados e efeitos adversos. Trinta e dois (64,0%) dos participantes relataram ter realizado algum tipo de dieta da moda, sendo as dietas mais citadas a low carb, dietas ricas em proteína e jejum intermitente. Os principais meios de divulgação dessas dietas foram as mídias digitais (52,6%), amigos (26,3%) e personal trainer (10,5%). A maioria da amostra relatou ter tido um resultado bom ou muito bom (71,9%), mas a duração do resultado foi de curta a média (1 a 6 meses) para a maioria dos participantes (59,4%). Os efeitos adversos mais relatados foram fraqueza (46,8%), dor de cabeça (37,5%), irritabilidade (34,3%) e tontura (18,7%). Estudos futuros são necessários para avaliar a composição das dietas consumidas e alterações metabólicas em curto e longo prazo.

 

ABSTRACT

Adherence of fad diets by people who frequent gyms in São Paulo

Fad diets easily become popular because they promise short-term benefits. However, the adoption of these diets can be potentially harmful to health. Thus, the present study aimed to evaluate the adherence of fad diets by people who frequent gyms in São Paulo, Brazil. We performed a cross-sectional study with 50 people who frequent gyms. Data were collected through the application of a questionnaire with questions about adherence to some type of fad diet, professional orientation, means of dissemination of these diets, results, duration of results and adverse effects. Thirty-two (64.0%) of the participants reported having performed some type of fad diet and the most cited diets were low carb, high protein diets and intermittent fasting. The main means of dissemination of these diets were digital media (52.6%), friends (26.3%) and personal trainer (10.5%). Most of the sample reported having had a good or very good result (71.9%), but the duration of the result was short to medium (1 to 6 months) for most participants (59.4%). The most commonly reported adverse effects were weakness (46.8%), headache (37.5%), irritability (34.3%), and dizziness (18.7%). Future studies are needed to evaluate the composition of diets consumed and metabolic changes in the short and long term.


Palavras-chave


Dietas da moda; Exercício; Academias de ginástica

Texto completo:

PDF

Referências


-Abreu, E. S.; Paternez, A. C. A. C.; Chaud, D. M. A.; Valverde, F.; Gaze, J. S. Parâmetros nutricionais de dietas anunciadas na imprensa leiga destinada ao público masculino e feminino. Ciência & Saúde. Vol. 6. Num. 3. p. 206-213. 2013.

-Betoni, F.; Zanardo, V. P. S.; Ceni, G. C. Avaliação de utilização de dietas da moda por pacientes de um ambulatório de especialidades em nutrição e suas implicações no metabolismo. ConScientiae Saúde. Vol. 9. Num. 3. p. 430-440. 2010.

-Brasil. Ministério da Saúde. Conselho Nacional de Saúde. Resolução nº 466, de 12 de dezembro de 2012. Aprova as diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisas envolvendo seres humanos. 2012.

-Coelho, L. S.; Souza, B. M. M.; Cardozo, T. S. F. A orientação nutricional frente à autopercepção da imagem corporal de adolescentes. Revista Rede de Cuidados em Saúde. Vol. 8. Num. 3. p. 1-16. 2014.

-Costa, M. F. Dietas da moda e transtornos alimentares: a construção de sentidos na busca do “corpo perfeito” e da “vida saudável.” Demetra. Vol. 9. Num. 3. p. 857-858. 2014.

-Francischi, K. P., Pereira, L. O., & Lancha Junior, A. H. Exercício, comportamento alimentar e obesidade: revisão dos efeitos sobre a composição corporal e parâmetros metabólicos. Revista Paulista de Educação Física. Vol. 15. Num. 2. p. 117-140. 2001.

-Lima, K. V. G.; Bion, F. M.; Lima, C. R.; Nascimento, E.; Albuquerque, C. G.; Chagas, M. H. C. Valor nutricional de dietas veiculadas em revistas não científicas. RBPS. Vol. 23. Num. 4. p. 349-357. 2010.

-Malachias, M. V. B. Medidas dietéticas: o que é efetivo? Revista Brasileira de Hipertensão. Vol. 17. Num. 2. p. 98-102. 2010.

-Nogueira, L. R.; Mello, A. V.; Spinelli, M. G. N.; Morimoto, J. M. Dietas da moda consumidas por desportistas de um clube e academias em São Paulo. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 10. Num. 59. p. 554-561. 2016. Disponível em:

-Pacheco, C. Q.; Oliveira, M. A. M.; Stracieri, A. P. M. Análise nutricional de dietas publicadas em revistas não científicas destinadas ao público feminino. Nutrir Gerais. Vol. 3. Num. 4. p. 346-361. 2009.

-Proença, R. P. C. Alimentação e globalização: algumas reflexões. Ciência e Cultura. Vol. 62. Num. 4. p. 43-47. 2010.

-Rufino, V. S.; Soares, L. F. S.; Santos, D. L. Características de frequentadores de academias de ginástica do Rio Grande do Sul. Kinesis, 22. 2000.

-Russo, R. Imagem corporal: construção através da cultura do belo. Movimento e Percepção. Vol. 6. Num. 5. p. 80-90. 2005.

-Santana, H. M. M.; Mayer, M. D. B.; Camargo, K. G. Avaliação da adequação nutricional das dietas para emagrecimento veiculadas pela internet. ConScientiae Saúde. Vol. 2. p. 99-104. 2003.

-Souto, S.; Ferro-Bucher, J. S. N. Práticas indiscriminadas de dietas de emagrecimento e o desenvolvimento de transtornos alimentares. Revista de Nutrição. Vol. 19. Num. 6. p. 693-704. 2006.

-Viggiano, C. E. Dietas da moda. Revista Brasileira de Ciências da Saúde. Vol. 5. Num. 12. p. 55-56. 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBNE - Revista Brasileira de Nutrição Esportiva

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui