Uso de bebidas isotônicas por praticante de atividade física em Teresina-PI

  • Maysa Silva Cavalcante Associação Teresinense de ensino - FSA (Faculdade Santo Augostinho)
  • Charllyton Luis Sena da costa Associação Teresinense de Ensino(Faculdade Santo Agostinho)
Palavras-chave: Hidratação, Desidratação, Academia

Resumo

A hidratação é importante em diversos momentos do treinamento ou da competição, dependendo assim das necessidades individuais de macro e micronutrientes, da duração do exercício, do clima, e do desgaste orgânico ocasionado por cada modalidade esportiva específica, influenciando diretamente no desempenho, no equilíbrio hidroeletrolítico e na manutenção da temperatura corporal. As bebidas isotônicas repõem as perdas ocorridas pela transpiração, de água, eletrólitos e sais minerais, mantendo o equilíbrio hidroeletrolítico do corpo. O objetivo deste trabalho é avaliar o uso de bebidas isotônicas por praticantes de atividade física em Teresina- PI. O estudo foi realizado em uma academia, em Teresina-PI; com a participação de 22 pessoas praticantes de atividade física, de faixa etária de 18 á 40 anos, de ambos os sexos, que foram submetidos á aplicação de um questionário. A amostra constituiu-se de 22 praticantes de atividade física, sendo que 33,3% (n=7) foram do gênero masculino e 66,7% (n=15) do gênero feminino, com duração em média do treino de uma hora por dia, acima de três vezes na semana. Foram dividas em Gênero, frequências de treinamento, momento de hidratação, consomem os isotônicos, o tempo do consumo, e a escolha do isotônico. Foi notado que o consumo destas bebidas por alguns praticantes de atividade física, os momentos deste uso, sabendo a importância da hidratação, e a confirmação que seu uso ajuda para melhor o seu desempenho em treinos de alto desempenho, onde boa parte das pessoas sabe seus efeitos ou apenas não conhecem.

 

ABSTRACT 

Use of isotonic drinks by physically active in Teresina-PI

Hydration is important in various stages of training or competition, dependent on the individual needs of macro and micronutrients, the duration of exercise, climate, and organic wear caused by the specific sport, directly influencing the performance in the electrolyte balance and maintaining body temperature. Sports drinks replenish the losses incurred by sweating, water, electrolytes and minerals, maintaining the electrolyte balance of the body. The objective of this study is to evaluate the use of isotonic drinks by physically active in Teresina PI. The study was carried out in a gym, in Teresina PI; with the participation of 22 people from practicing physical activity, age group 18 to 40 years, of both sexes, which were submitted to application of a questionnaire. The sample consisted of 22 physically active, and 33.3% (n = 7) were male and 66.7% (n = 15) were female, with average duration of one hour training per day, up from three times a week. They were divided on Gender, training frequency, time of hydration, consume sports drinks, time consumption, and the choice of Isotonic. It was noted that consumption of these drinks by some practitioners of physical activity, the moments of use, knowing the importance of hydration, and confirmation that its use helps to better their performance in high-performance training, where much people know their effects or just do not know.

Referências

-Castro, J. D F.; Scherer, R.; Godoy, T. H. Avaliação do teor e da estabilidade de vitaminas do complexo b e vitamina c em bebidas isotônicas e energéticas. Quim. Nova. Vol. 29. Núm. 4. p.719-723. 2006

-De Marchi, R.; Monteiro, M.; Cardello, H. M. A. B. Avaliação da Vida-de-Prateleira de umIsotônico Natural de Maracujá (Passiflora edulisSims. f. flavicarpaDeg.). Braz. J. Food Technol. Vol. 6. Num. 2. p.291-300. 2003.

-Drumond, M. G.; Carvalho, F. R. D.; Guimarães, E. M. A. Hidratação em atletas adolescentes - hábitos e nível de conhecimento. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 1. Núm. 2. p.76-93. 2007. Disponível em: <http://www.rbne.com.br/index.php/rbne/article/view/20/19>

-Graciano, L. C.; Ferreira, F. G.; Chiapeta, S. M. S. V.; Scolforo, L. B.; Segheto, W. Nível de conhecimento e pratica de hidratação em praticantes de atividade física em academia. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 8. Num. 45. p.146-155. 2014. Disponível em: <http://www.rbne.com.br/index.php/rbne/article/view/447/414>

-Hirschbruch, M. D.; Fisberg, M.; Mochizuki, L. Consumo de suplementos por jovens freqüentadores de academias de ginástica em São Paulo. Rev Bras Med Esporte. Vol. 14. Num. 6. p.539-543. 2008.

-Sociedade Brasileira de Medicina do Exercício e do Esporte. Modificações dietéticas, reposição hídrica, suplementos alimentares e drogas: comprovação de ação ergogênica e potenciais riscos para a saúde. Rev Bras Med Esporte. Vol. 15. Num. 3. Supl. p.2-12. 2009.

-Weschenfelder, D.; Conde, S. R. Consumo de bebidas isotônicas em praticantes de musculação. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 6. Núm. 36. p.458-463. 2012. Disponível em: <http://www.rbne.com.br/index.php/rbne/article/view/343/347>

Publicado
2017-11-26
Como Citar
Cavalcante, M. S., & Sena da costa, C. L. (2017). Uso de bebidas isotônicas por praticante de atividade física em Teresina-PI. RBNE - Revista Brasileira De Nutrição Esportiva, 11(66), 657-661. Recuperado de http://www.rbne.com.br/index.php/rbne/article/view/721
Seção
Artigos Científicos - Original