Avaliação nutricional de crianças e adolescentes com mielomeningocele inseridos em um programa de atividade física no município de São Paulo-SP

Thaina Maria Passos Oliveira, Rafael Rizzo Modesto, Victor Pereira Martins, Bruno Cirillo Garcia, Renata Furlan Viebig

Resumo


Introdução: A Mielomeningocele (MMC) consiste em uma má formação do tubo neural embrionário, ocasionando o não fechamento da coluna vertebral e a formação protuberante de um saco dorsal. Objetivo: Avaliar o estado nutricional de crianças e adolescentes portadoras de MMC. Metodologia: A população desta pesquisa foi composta por 43 crianças e adolescentes entre 8 e 19 anos com MMC, participantes de um programa de iniciação ao esporte, avaliando-se a composição corporal por meio da aferição de peso, estatura, CB, CP, DCT e DCSE. Resultados: 50% dos meninos encontravam-se eutróficos e 28% obesos. Esse valor foi maior nas meninas, onde 43% foram classificadas como obesas. Conclui-se a prevalência de estatura muito baixa para idade entre as meninas, chegando a representar 71% do total. Entre os meninos, 36% se enquadram nessa categoria, prevalecendo estatura adequada para idade (50%). Discussão: As principais observações encontradas foram à tendência, por grande parte do grupo, ao sobrepeso e/ou à obesidade. Porém é possível observar também em alguns parâmetros que parte dos pesquisados encontram-se na categoria eutrófica, e ainda uma pequena parcela na categoria de desnutrição. Conclusão: São necessários mais estudos, para avaliar essa população a longo prazo e definir um parâmetro específico para os mesmos.

 

ABSTRACT

Nutritional evaluation of children and adolescents with myelomeningocele inserted in a program of physical activity in the municipality of São Paulo-SP

Introduction: A Myelomeningocele (MMC) consists of a bad formation of the embryonic neural tube, causing the spine to not close and the protruding formation of a dorsal sac. Objective: This study had the objective to evaluate the nutritional status of children and adolescents with myelomeningocele, practicants of basketball in a wheelchair. Methodology: The population of this cross-sectional field study was composed of 43 children and adolescents between 8 and 19 years old with myelomeningocele, participants of a sports initiation program, and was assessed the body composition by means of weight, height, arm and calf circumference and skin folds (subscapular and triceps). Results: 50% of the boys were eutrophic and 28% obese. This value was higher in girls, where 43% were classified as obese. The prevalence of very low stature for the age between girls was reached, reaching 71% of the total. Among boys, 36% fall into this category, predominantly age-appropriate height (50%). Discussion: The main findings were the tendency, for a large part of the group, to be overweight and / or obese. However, it is also possible to observe in some parameters that part of the respondents are in the eutrophic category, and still a small part in the category of malnutrition. Conclusion: More studies are needed to evaluate the long-term population and to define a specific parameter for them.


Palavras-chave


Tubo neural; Avaliação nutricional; Mielomeningocele; Criança; Adolescente

Texto completo:

PDF

Referências


-Abreu, T.; Friedman, R.; Fayh, A.P.T. Aspectos fisiopatológicos e avaliação do estado nutricional de indivíduos com deficiências físicas. Revista HCPA. Vol. 31. Num. 3. 2011. p345-352.

-Aguiar, M.J.B.; e colaboradores. Defeitos de fechamento do tubo neural e fatores associados em recém-nascidos vivos e natimortos. J Pediatr. Vol. 79. Num. 2. 2003. p.129-134.

-Araujo, P.P.; Albornoz, S.; Moura, H.; Santos, S.; da Silva, R. C.; Alvarenga, M. Perfil da composição corporal de adolescentes praticantes de basquetebol de cadeira de rodas. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. São Paulo. Vol. 9. Num. 53.2015. p.498-505. Disponível em:

-Brandão, A.D.; Fujisawa, D.C.; Cardoso, J.R. Características de crianças com mielomeningocele: implicações para a fisioterapia. Fisioter. Mov. Vol. 22. Num. 1. 2009. p. 69-75.

-Broderick, C.R.; Winter, G.J.; Allan, R.M.; Sport for special groups. Med J Aust. Vol. 184. Num. 6. 2006. p. 297-302.

-Bronzeri, F.G.; e colaboradores. Mielomeningocele e nutrição: proposta de protocolo de atendimento. O Mundo da Saúde. Vol. 35. Num.2. 2001. p. 215-224.

-Campos, L.F.C.C. Avaliação da Composição Corporal em Atletas com Lesão Medular Praticantes de Rúgbi em Cadeira de Rodas. Campinas. 2009.

-Coelho, C.M.; e colaboradores. Evolução do estado nutricional de crianças com mielomeningocele em período de três anos. O Mundo da Saúde. Vol. 33. Num. 3. 2009. p.347-351.

-Deurenberg, P.; Karin, V.D.K.; Paul, E. Toine, H. Assessment of body composition by bioelectrical impedance in a population aged greater than 60 y. Am J Clin Nutr. Vol. 51. Num. 1. 1990. p. 3-6.

-Feeley, B.T.; Ip, T.C.; Otsuka, N.Y. Skeletal maturity in myelomeningocele. J Pediatr Orthop. Vol. 23. Num. 6. 2003. p.718-721.

-Fernandes, A.C. Malformações do tubo neural. In: Hebert, S.; Xavier, R.; Pardini Junior, A.G.; Barros Filho, T.E.P. Ortopedia e traumatologia: príncipios e prática. 3ª edição. Porto Alegre. Artmed. 2003. p. 839-857

-Frisancho, A. R. Anthropometric standards for the assessment of growth and nutritional status. Ann Arbor, Michigan. University of Michigan Press. 1990. p. 195.

-Frisancho, A.R. New norms of upper limb fat and muscle areas for assessment of nutritional status. American Journal of Clinical Nutrition. Vol. 34. Num. 11. 1981. p. 2540-2545.

-Gorgatti, M.G.; Böhme, M.T.S. Autenticidade científica de um teste de agilidade para indivíduos em cadeira de rodas. Revista Paulista de Educação Física. Vol. 1. Num.17. 2003. p. 41-50.

-Kozma, C. Valproic acid embryopathy: report of two siblings with further expansion of the phenotypic abnormalities and a review of the literature. Am J Med Genet. Vol. 98, Num.2. 2001. p.168-175.

-Krishnaswamy. K. Madhavan, N.K. Importance of folate in human nutrition. Br J Nutr. Vol.85. 2001. p.115-124.

-Lima, B. B.; Ferreira, E. S.; Bonifacio, M. R.; da Silva, R. C.; Santos, S. S.; Alvarenga, M. Avaliação antropométrica em crianças com Mielomeningocele. Revista Brasileira de Nutrição Esportiva. Vol. 9. Num. 52. p.337-342. Disponível em:

-Littlewood, R.A.; Trocki, O.; Shepherd, R.W.; Shepherd, K.; Daviel, P.S. Resting energy expenditure and body composition in children with myelomeningocele. Pediatr Rehabil. Vol. 6. Num. 1. 2003. p.31-7.

-Mcardle, W.D.; Katch, F.L.; Katch, V. Fisiologia do exercício: energia, nutrição e desempenho humano. 3ª edição. Rio de Janeiro. Guanabara Koogan. 1992. 510p.

-Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica - Coordenação Geral da Política de Alimentação e Nutrição. Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional (SISVAN). Orientações para a coleta e análise de dados antropométricos em serviços de saúde. Norma Técnica. Brasília. 2009.

-Nazer, H.J.; e colaboradores. Estudio de 30 años de vigilancia epidemiológica de defectos de tubo neural en Chile y en Latino América. Rev Med Chil. Vol. 129. Num. 5. 2001. p. 531-539.

-Northrup, H.; Volcik, K.A. Spina bifida and other neural tube defects. Curr Probl Pediatr. Vol. 30. Num.10. 2000. p. 313-332.

-Organização Mundial de Saúde. Estado físico: o uso e interpretação da antropometria. Relatório de um Comitê de Especialistas da OMS. Série de Relatórios Técnicos da OMS. 854. Genebra. 1995.

-Peixoto, L.G.; e colaboradores. A circunferência da panturrilha está associada com a massa muscular de indivíduos hospitalizados. Rev Bras Nutr Clin. Vol. 31. Num.2. 2006. p. 167-171.

-Sigulem, D.M.; Devincenzi, M.U.; Lessa, A.C. Diagnóstico do estado nutricional da criança e do adolescente. Jornal de Pediatria. Vol. 76. Num. 3. 2000. p.275-284.

-Slaughter, M.H.; Lohman, T.G.; Boileau, R.A.; Horswill, C.A.; Stillman, R.J.; Van Loan, M.D.; Bemben, D.A. Skinfold equations for estimation of body fatness in children and youths. Human Biology. Vol. 60. Num. 5. 1988. p. 709-723.

-WHO; Multicentre Growth Reference Study Group. Assessment of differences in linear growth among populations in the WHO Multicentre Growth Reference Study. Acta Paediatr.Num. 450 de janeiro de 2007. Switzerland. 2007.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBNE - Revista Brasileira de Nutrição Esportiva

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui