A influência da batata doce (ipomea batatas l.) no esvaziamento gástrico de sólidos em ratos acordados submetidos ao exercício físico agudo

Jade Mouro Lemos, Ana Karolina Martins Cavalcante

Resumo


A suplementação alimentar aliada ao exercício físico atualmente tem sido um grande impulso para a melhoria da qualidade de vida e diminuição dos fatores de riscos para doenças crônico-degenerativas. O presente estudo objetivou avaliar a influência da batata doce (Ipomea batatas L.) no esvaziamento gástrico de sólidos em ratos submetidos ao exercício físico agudo. Foram utilizados ratos machos da linhagem Wistar, os quais alguns foram submetidos ao exercício agudo e os demais não foram induzidos a nenhuma atividade física, sendo assim, sedentários. A natação foi escolhida como protocolo de treinamento agudo. Observou-se que o grupo de ratos que foi ofertada a batata doce e treinados com sobrecarga de 5% do peso corporal, obtiveram um percentual mais elevado do esvaziamento gástrico quando comparado ao grupo alimentado somente com ração (62,50 ± 6,64 vs 12,25 ± 8,35%) e os grupos que não realizaram exercício físico agudo, sejam os que foram alimentados com ração ou com a suplementação da batata doce, não apresentaram diferença estatística em relação ao esvaziamento gástrico. Em relação à avaliação da composição corporal, não houve alteração quando os animais foram submetidos ao exercício físico agudo. Os resultados nos levam a crer que a suplementação da batata doce, não influenciou diretamente na alteração do esvaziamento gástrico e sim o exercício físico que promoveu uma aceleração desse esvaziamento. Entretanto, é necessário que haja a realização de mais estudos que relacionem o efeito do exercício físico agudo sobre o esvaziamento gástrico de sólidos, visto que, a grande maioria dos estudos expõe resultados apenas sobre o esvaziamento gástrico de líquidos.

 

ABSTRACT

The influence of sweet potato (ipomea batatas l.) in the gastric emission of solids in agreed rats submitted to acute physical exercise 

The food supplementation combined with exercise currently has been a big boost to improve the quality of life and reduction of risk factors for chronic diseases. This study aimed to evaluate the influence of sweet potato (Ipomoea L. potatoes) gastric emptying of solids in rats submitted to acute exercise. Were used male Wistar, which some were submitted to acute exercise and the others were not led to any physical activity, so sedentary. Swimming was chosen as acute training protocol. It was observed that the group of rats that was offered sweet potato and trained with overload of 5% of body weight, obtained a higher percentage of gastric emptying when compared to the group fed only with ration (62.50 ± 6.64 vs 12.25 ± 8.35%) and the groups who did not have acute physical exercise, are those that were fed diets or supplementation of sweet potatoes, showed no statistical difference in relation to gastric emptying. Regarding the assessment of body composition did not change when the animals were submitted to acute exercise. The results lead us to believe that supplementation of sweet potatoes, not directly influenced the change of gastric emptying, but the physical exercise that promoted an acceleration of this emptying. However, it is necessary to act to further studies that relate the effect of acute exercise on gastric emptying of solids, since majority of studies exposes results only on gastric emptying of liquids.

Palavras-chave


Atividade física; Carboidratos; Motilidade gastrointestinal

Texto completo:

PDF

Referências


-Banfi, G.; Marinelli, M.; Bonini, P.; Gritti, I.; Roi, G. S. Pepsinogens and gastrointestinal symptoms in mountain marathon runners. Int J Sports Med. Vol. 17. 1996. p.554-558.

-Collares, E. F.; Vinagre, A. M. Effect of baclofen on liquid and solid gastric emptying in rats. Arq. Gastroenterol. Vol. 47. Núm. 3. 2010. p.290-296.

-Coll-Risco, I.; e colaboradores. Effects of interval aerobic training combined with strength exercise on body composition, glycaemic and lipid profile and aerobic capacity of obese rats. Journal OF Sports Sciences. 2015.

-Ferreira, A. M. D.; Ribeiro, B. G.; Soares, E. A. Consumo de carboidratos e lipídios no desempenho em exercícios de ultra-resistência. Rev Bras Med Esporte. Vol. 7. Núm. 2. 2001. p.67-74.

-Gonçalves, M. F. V.; Sarmento, S. B. S.; Dias, C. T. S.; E Marquezini, N. M. Tratamento térmico do amido de batata-doce (Ipomoea batatas L.) sob baixa umidade em microondas. Ciênc. Tecnol. Alim. Vol. 29. 2009. p.270-276.

-Gritti, B. G.; ROI, G. S. Pepsinogens: physiology, pharmacology pathophysiology and exercise. Pharmacol Res. 2000.

-Hu, L.; Tom, M.; Mykolay, Z.; Craig, F. P. Evaluation of bioimpedance spectroscopy for the meansurement of body fluid compartment volumes in rats. Journal of Pharmacological and Toxicological Methods. Vol. 65. Num. 2. p.75-82. 2012.

-Lin, J. H.; Wang, S.W.; Chang, Y.H. Effect of molecular size on gelatinization thermal properties before and after annealing of rice starch with different amylose contents. Food Hydrocoll. Vol. 22. 2008. p.156-163.

-Martinez, V.; Barquist, E.; Rivier, J.; Taché, Y. Central CRF inhibits gastric emptying of a solid meal nutrient in rats: the role of CRF2 receptors. Am J Physiol. 1998. p.274.

-Maughan, R. J.; Bethell, L. R; Leiper, J. B. Effects of fluid, electrolyte on exercise capacity ando n cardiovascular and metabolic reponses to prolonged exercise in man. Exp Physiol. 2000.

-Mogami, S.; Suzuki, H.; Fukuhara, S.; Matsuzaki, J.; Kangawa, K.; Hibi, T. Reduce ghrelin production induced anorexia after rat gastric ischemia an reperfusion. Am J Physiol Gastrointes Liver Physiol. p.359-364. 2012.

-Peters, H. P.; De Vries, W. R.; Vanberge, H. G. P.; Akkermans, L. M. Potential benefits and hazards of physical activity and exercise on the gastrointestinal tract. 2001.

-Shen, C. L.; Zhu, W.; Gao, W.; Wang, S.; Chen, L.; Chyu, M. C. Energy-restricted diet benefits body composition but degrades bone integrity in middle-aged obese female rats. Nutr Res. Vol. 33. 2013. p.68-76.

-Silva, M. T. B. Exercícios físicos de alta intensidade agudo e crônico inibem o esvazimanto gástrico de líquidos em ratos: Papel da acidemia e de via neuro-humoral. 2012. http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/5664

-Silva, L. P.; Walter, M.; Emanuelli, T. Amido resistente: características físico-químicas, propriedades fisiológicas e metodologias de quantificação. Cienc. Rural. Vol. 35. Núm. 4. 2005. p.974-980.

-Smith, D.; Johnson, M.; Nagy, T. Precision and accuracy of bioimpedance spectroscopy for determination of in vivo body composition in rats. Int J Body Compos Res. Vol. 1. 2009. p.21-26.

-Wyatt, C. L.; Bedford, M. R. Uso de enzimas nutricionais para maximizar a utilização de nutrientes pelo frango de corte em dietas à base de milho: recentes progressos no desenvolvimento e aplicação prática. Seminário Técnico Finnfeeds. FINNFEEDS. Curitiba. 1998. p.2-12.


Apontamentos

  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »
  • »


Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons

RBNE - Revista Brasileira de Nutrição Esportiva

IBPEFEX - Instituto Brasileiro de Pesquisa e Ensino em Fisiologia do Exercício

Editor-Chefe: Francisco Navarro. E-mail para contato: aqui

Editor Gerente: Francisco Nunes Navarro. E-mail para contato: aqui